images/banners/slide1.jpg
Quando ouvimos o colaborador dizer que se feriu, mas não foi nada ! Tétano !

Nas atividades de trabalho, os colaboradores estão sujeitos a acidentes com cortes e perfurações, e vários desses possíveis ACIDENTES estão associados a materiais contaminados por ferrugem. Por isso que estamos sempre exigindo dos colaboradores o cartão de vacina, para se ter o acompanhamento da saúde do colaborador. Pois em caso de um contato acidental com esses materiais dependendo do evento poderão se contaminar ou desenvolver um TÉTANO. O que é tétano acidental e como se contamina?Tétano é uma doença grave causada por uma bactéria que pode estar presente em objetos de metal, de madeira, de vidro ou mesmo no solo (pregos, latas, ferramentas agrícolas, cacos de vidro, galho de árvore, espinhos, pedaços de móveis e outros). A bactéria pode estar presente em objetos de metal mesmo que esses não estejam enferrujados. O contato com entulhos da construção civil, atividades agrícolas, destroços resultantes de desastres associados às inundações, deslizamentos, vendavais, granizos e outros podem provocar lesões na pele e consequentemente o adoecimento por tétano acidental. As pessoas podem adoecer quando, acidentalmente, sofrem lesões na pele (ferimentos, cortes, perfurações) por objetos deixados no ambiente e contaminados pela bactéria. Por isso a importância da utilização de equipamentos de proteção individual (luvas, botas, capacetes etc.). Quais os principais sinais e sintomas da doença? Febre baixa ou ausência. Alterações locais do ferimento da pele e mucosas. Contrações espontâneas ou provocadas por estímulos táteis, sonoros, luminosos ou alta temperatura ambiente.  Espasmos musculares: faciais (riso sardônico), do pescoço (rigidez de nuca), do maxilar, atingindo os músculos de abdômen (em tábua, barriga dura). Dificuldade de engolir o alimento. Insuficiência respiratória. Alterações neurológicas. Uma das preocupações no período de enchentes é a ocorrência do tétano acidental. As inundações propiciam a disseminação e a persistência do agente causal no ambiente, facilitando a ocorrência de casos da doença. O tétano é uma doença infecciosa aguda, não contagiosa, adquirida através da contaminação de ferimentos (mesmo pequenos) com esporos do Clostridium tetani e que pode levar à morte. Os principais sinais e sintomas do tétano são: inicialmente contrações musculares involuntárias na região do ferimento, posteriormente ocorre contração dos músculos da face (riso sardônico), do pescoço (rigidez de nuca), atingindo os músculos do abdômen (abdômen em tábua, barriga dura), em fase mais avançada pode ocorrer dificuldade de engolir o alimento, insuficiência respiratória, entre outros. O tétano acidental, geralmente, ocorre após exposição ao agente, nos ferimentos superficiais ou profundos de qualquer natureza, provocados pelos seguintes materiais: metais (enferrujados ou não), madeira, vidro ou outros objetos contaminados presentes no solo. Por isso, é importante que os indivíduos se atentem quanto às lesões de pele ou mucosas decorrentes de materiais perfurocortantes em situações de enchentes. Na ocorrência de lesões de pele ou mucosas é importante que o local seja higienizado, inicialmente com água e sabão e, caso a pessoa não seja imunizada, deve procurar uma unidade ou equipe de saúde mais próxima da sua residência. Lembre-se de que o diagnóstico precoce é um fator importante no tratamento do paciente, minimizando o seu sofrimento e complicações. A melhor forma de prevenção é a vacinação. Ela é gratuita e está disponível em toda a rede do Sistema Único de Saúde (SUS). Se você não se lembra se foi vacinado, ou caso possua outras dúvidas, procure o serviço ou a equipe de saúde mais próximo, levando seu cartão de vacinação. Caso não possua esse cartão, informe ao profissional de saúde para que receba a orientação adequada. Obs: Jamais deixe de fazer as INSPEÇÕES DE SEGURANÇA ! Se houve lesão, pare a atividade do colaborador em encaminhe-o para o ambulatório médico, PRONTO SOCORRO,  UPA ou SANDU  mais próxima. Procure de informar mais nos blog da seguranca do trabalho.

  

 

Publicado emBlog
PICADAS DE ARANHAS NOS AMBIENTES DE TRABALHO

MTE.Segurança do Trabalho : Registro de acidentes de trabalho, previna-se contra os animais peçonhentosA ARANHA MARRON  possui uma peçonha poderosa, pode  levar ao óbito pessoas que tenham seqüelas de problemas renais, figado ou alergia aguda a ação do veneno, pode causar ulcerações severas e até  amputação de orgãos. Deve-se ter muito cuidado quando ocorre a presença deste aracnídeo, habita  residências e ocorre em toda a extensão do território das Américas, pelo seu pequeno porte as pessoas não tem o devido cuidado e podem ser picadas.  É a menor aranha entre as mais perigosas (Corpo 7-12 mm). Por causa dos hábitos noturnos e seu tamanho, passam desapercebidas pelo homem e podem então proliferar-se extraordinariamente. Os machos têm corpo menor e pernas relativamente mais longas. O cefalotórax é baixo, isto é, não ultrapassa, em altura, o abdômen, os olhos são seis, reunidos em três pares de quelíceras são soldadas na base. Todas apresentam um colorido uniforme que varia do marron claro até o  escuro, podendo apresentar no cefalotórax um desenho amarelo em forma de estrela ( L. gaucho). As fêmeas alcançam a maturidade sexual  em média aos 328,5 dias e os machos em 454,7 dias. Uma fêmea pode produzir até 15 otecas que contêm de 22 a 138 ovos. A duração de  vida é de 1536 dias para as fêmeas e 696 para os machos que acasalaram.  O ataque: Não são aranhas agressivas e a maioria dos acidentes (cerca de 80%) ocorrem dentro de casa.  Elas picam quando são comprimidas contra o corpo da vítima, dentro de roupas , toalhas de banho e na cama. São aranhas domiciliares que se alojam, de preferência, nos armários, roupas e sapatos velhos. Comprimidas ao corpo da vítima quando esta se vete ou calça o sapato, O ataque: Não são aranhas agressivas e a maioria dos acidentes (cerca de 80%) ocorrem dentro de casa.  Elas picam quando são comprimidas contra o corpo da vítima, dentro de roupas , toalhas de banho e na cama. São aranhas domiciliares que se alojam, de preferência, Desferem seu ataque. As picadas atingem, com mais freqüência, os antebraços, braços e ombros, colo, nuca, rosto, tórax, ventre e, mais raramente, outras partes do corpo.  O veneno tem ação proteolitica e hemolítica e,   se manifestam Tardiamente, em torno de 12 a  24 horas após o acidente. O quadro clínico cutâneo caracteriza-se por edema, eritema, dor local semelhante a queimadura. Quando há comprometimento cutâneo visceral, observamos  febre, mal-estar generalizado, icterícia, equimose, vesículas, bolhas, necrose e ulceração. A urina torna-se escura, cor de "coca-cola". Pode evoluir para oligúria, anúria e insuficiência  renal aguda, semelhante ao que ocorre no acidente crotálico. (O tratamento específico é feito com o soro antiaracnídeo e/ou antiloxoscélico, 10 ampolas pelas via endovenosa. O tratamento complementar consiste na limpeza local com anti-sépticos  e hidratação do doente de maneira semelhante ao preconizado para o acidente crotálico. A vacinação anti-tetânica está indicada.  Os antibióticos devem ser utilizados quando houver infecção secundária de maneira semelhante ao preconizado no acidente botrópico. O emprego do soro específico deve ser feito até 36 horas após o acidente.  Conduta frente a picadas de Aranhas e Escorpiões: Evitar que o paciente se movimente muito; Não fazer torniquete no membro acidentado; Aplicar compressas frias (10 a 15 ºC) nas primeiras horas;  Aplicar respiração artificial, caso a pessoa não estiver espirando  bem.;  Encaminhar ao serviço médico. Toda pessoa agredida por aranhas deve ser encaminhada ao Pronto Socorro e se possível levar a aranha para identificação. Lembre-se sempre que a rapidez de atendimento em acidentes com qualquer animal Peçonhento pode significar a diferença entre a vida e  a morte. A auto medicação pode ser fatal e não deve ser realizada. Procure sempre um  médico e o pronto socorro mais próximo. Nas atividades de trabalho os colaboradores muitas vezes estão próximos desses animais sem se dar conta !!! FAÇA SEMPRE INSPEÇÕES DE SEGURANÇA NOS AMBIENTES DE TRABALHO!

   

Publicado emBlog
Curso NR

Mais Lidas

A utilização incorreta das ferramentas manuais, podem danificá-las e ainda causar lesões aos colaboradores!
Blog A utilização incorreta das ferramentas manuais, podem danificá-las...
É obrigação de o colaborador manter os equipamentos e ferramentas em condições de uso. V...
Como elaborar relatório de ocorrência de acidente de transito, no veículo  a serviço da empresa
Blog Como elaborar relatório de ocorrência de acidente de...
No Brasil os dados são ainda inconsistentes, mas acidentes e doenças do trabalho impactam ...
Nas atividades de trabalho, a utilização dos EPIs, é mais que um dever, é uma obrigação !
Blog Nas atividades de trabalho, a utilização dos EPIs,...
O trabalhador poderá interromper suas atividades quando constatar uma situação de trabalho...
Técnico de segurança do trabalho  e as suas atribuições nos canteiros de obras
Blog Técnico de segurança do trabalho e as...
Independentemente da obrigatoriedade legal, as empresas que executarem atividades deverão ...

Quer receber mais conteúdos brilhantes como esses gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nosso conteúdos por email

O Blog Segurança do Trabalho tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento pessoal e profissional dos seus leitores, visando aborda sobre os mais variados temas no âmbito da segurança e saúde do trabalho, direito trabalhista, direito previdenciário, meio ambiente, comportamento pessoal e profissional, entre outros. Dessa forma, o site vem ganhando seu espaço e reconhecimento.